6 de março de 2014

Curtas: nova pedana de Skeet em SC, treinamento centralizado, dúvidas sobre convocações

Homologação de pedana de Skeet

Após visita do delegado da CBTE Jairo Luiz Motta ao Clube Joaçabense de Tiro, Caça e Pesca, de Joaçaba - SC, e tendo como base seu relatório, que constatou que todos os itens necessários estavam de acordo com as especificações da ISSF, a diretoria de Tiro ao Prato Olímpico da Confederação resolveu homologar a pedana de Skeet do clube, podendo o mesmo, a partir de agora, realizar provas do calendário oficial.

Programa de provas do treinamento centralizado de Carabina e Pistola

A diretoria técnica de Carabina e Pistola da CBTE informou que o próximo Treinamento Centralizado (TC2), que será realizado no período de 11 a 13 de abril, coincide com a 3ª etapa do Campeonato Brasileiro de Carabina, Pistola e Rifle 2014 e, portanto, seu calendário de provas acompanhará o programa da etapa, a saber:

Sexta Feira: Pistola Tiro Rápido e Pistola Standard.

Sábado: Pistola de Ar, Carabina de Ar, Pistola Fogo Central e Carabina Deitado.

Domingo: Carabina 3 Posições, Pistola 50m e Pistola 25m.


Esclarecimento sobre as convocações 1

A CBTE informou que as regras para convocação dos atletas de Carabina e Pistola para competições internacionais não são as mesmas de 2013, mas seguem o disposto no Planejamento Técnico 2014, divulgado em sua página na internet.

Resumidamente, para ascender ao Time Olímpico, o atleta deve ter, ao final de um evento do Ranking Qualidade, a média de seus resultados válidos igual ou superior ao Índice Mundo de sua prova. Além disso, ainda há de se verificar se há vagas no Time Olímpico especificamente para a prova, onde o critério utilizado é o de cotas, baseado nas vagas disponíveis para os Jogos de 2016.  Nos casos em que mais de um atleta atender aos critérios, a escolha será feita pela melhor posição no Ranking Qualidade no momento da convocação.

Esclarecimento sobre convocações 2

A nova regra, informa ainda a Confederação, foi criada com base em uma solicitação de um plano mais apertado do que aquele que foi praticado até 2013, quando bastava um único Índice Mundo no Ranking Qualidade para convocação do atleta.

Devido à limitação dos recursos oriundos da Lei Piva destinada à Carabina e Pistola, a CBTE formatou para 2014 um plano de treinamentos e competições somente para o Time Olímpico, com risco de ainda não conseguir cumprir o plano até o final, devido a custos de passagens e hospedagens para esses eventos. Em conseqüência disso, a CBTE informou também que está impossibilitada de usar tais recursos para contemplar atletas em Treinamentos Centralizados (TC’s) e Seletivas.

Provas Especiais terão seus valores de inscrição reduzidos

A diretoria da CBTE resolveu diminuir o valor das inscrições das Provas Especiais, depois de sanadas algumas pendências financeiras e equilibrado o orçamento para 2014.

A partir da 2ª etapa do Campeonato Brasileiro de Carabina, Pistola e Rifle 2014 estas provas passarão a custar R$ 30,00 para inscrições feitas pelo site da CBTE e R$ 36,00 para as feitas no local de prova.

Mudanças na coordenação técnica do Tiro ao Prato 

Por motivos profissionais, Leandro Tumiati encaminhou carta ao presidente da CBTE e pediu afastamento da Coordenação Técnica do Tiro ao Prato. A Confederação informou que Roberth Oliveira assumirá em seu lugar.

Comente com o Facebook:

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...