24 de julho de 2013

Técnico da seleção comenta as dificuldades impostas pela legislação ao desenvolvimento do Tiro Esportivo no país

Carlo Danna - técnico da seleção brasileira de Tiro ao Prato Olímpico
Ontem (dia 23) foi ao ar no programa Tá na Área, do canal SporTV, uma matéria sobre os preparativos dos atletas brasileiros de Tiro ao Prato Olímpico para os Jogos de 2016.

Após mostrar alguns disparos efetuados pela última etapa do Brasileiro de Tiro ao Prato Olímpico, o repórter Edgar Alencar abriu o microfone para o técnico da seleção brasileira, o italiano Carlo Danna, que disse que a burocracia brasileira é um dos principais impedimentos ao desenvolvimento do esporte no país e citou um dos campeões olímpicos em Londres para mostrar a diferença entre o tratamento que o esporte tem em outros países e no Brasil.


- Aqui você não pode atirar se não "cumpre" 25 anos, um absurdo. Por exemplo, o bicampeão olímpico (no Skeet) Vincent Hancock, americano, ganhou as Olimpíadas de Pequim com 21 anos, ganhou a primeira Copa do Mundo aos 16, e começou a atirar aos nove anos, num clube feito pelo seu pai. Depois que estudava, ia treinar. Porque toda essa dificuldade (aqui)?

Confira o vídeo com a matéria completa no link a seguir: 

Comente com o Facebook:

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...