27 de maio de 2013

Chinês vence a Carabina de Ar em Munique - sua 2ª medalha de ouro na temporada 2013

Yang Haoran (CHI) e Peter Sidi (HUN) - Carabina de Ar - Copa do Mundo ISSF de Tiro Esportivo 2013 - Tiro Esportivo

O mais jovem finalista venceu a prova, garantindo sua segunda medalha de ouro da Copa do Mundo ISSF 2013. Com uma média superior a 10,5 pontos por tiro, Yang bateu o recorde mundial estabelecido por Peter Sidi, da Hungria.


O prodígio chinês Yang Haoran, de 17 anos, fez 210,5 pontos e venceu a final da Carabina de Ar 10m, prova de abertura da terceira etapa da Copa do Mundo ISSF de Carabina e Pistola 2013 realizada em Munique, Alemanha. Yang, que durante a qualificação estabeleceu o novo recorde mundial Júnior com 628,9 pontos fez uma disputa apertada com o campeão húngaro Peter Sidi.


Mas Yang estava simplesmente imbatível. O finalista chinês marcou uma média superior a 10,5 pontos por tiro ao longo dos 20 tiros finais, terminando em primeiro com mais de três pontos de vantagem sobre Sidi.

Yang já havia se destacado na última etapa da Copa do Mundo, em Fort Benning, Geórgia, EUA, há apenas duas semanas. Lá, participando de sua primeira Copa do Mundo, ele ficou em primeiro batendo adversários experientes. Como hoje.

Duas medalhas consecutivas, conquistadas em etapas da Copa do Mundo, é algo especial. Treinadores e especialistas já estão se perguntando: Yang vai ser a próxima estrela do Tiro Esportivo chinês?

Peter Sidi, 34, terminou em segundo, levando a prata com 206,8 pontos. Sidi havia batido seu próprio recorde mundial para entrar na final, marcando 633,5 pontos durante as qualificações. Na final, o atirador húngaro começou com um par de tiros frustrantes, somente voltando ao topo na segunda metade da disputa.

A medalha de bronze foi para o medalhista de prata dos Jogos Olímpicos da Juventude de 2010 Illia Charheika, 20 anos de idade, da Bielorrússia, com 186,2 pontos. Ele conquistou uma medalha de prata neste mesmo estande na etapa de Munique da Copa do Mundo ISSF 2012.

Após o 14º tiro, foi o finlandês Juho Kurki, 21 anos, que teve que deixar a prova. O atleta finlandês se qualificou com 627,9 pontos e fechou o dia de competição com uma pontuação final de 143,7 pontos.

Alexander Schmirl, 22, da Áustria, terminou a prova em sexto. O jovem atirador teve que deixar o jogo após o 12º tiro com 123,1 pontos. Ele participou de três etapas da Copa do Mundo da ISSF ano passado, classificando-se para a final em duas ocasiões.

Yury Shcherbatsevich, 28, da Bielorrússia, foi o primeiro a deixar a final após o oitavo tiro, quando as eliminações começaram. O bielo-russo terminou a prova com uma pontuação total de 79,2 pontos. Seu companheiro de equipe, Vitali Bubnovich, 38, saiu logo depois dele. Com 102,3 pontos, foi eliminado após o décimo tiro.

Os brasileiros que participaram da prova não atiraram bem. Bruno Lion Heck ficou em 54º com 618,9 pontos. Paulo Muller ficou em 85º com 614,6 e Leonardo Moreira em 99º com 611,1.

Na etapa passada, em Fort Benning, o desempenho dos atiradores brasileiros foi melhor. Nesta mesma prova, Bruno Lion Heck ficou em 15º lugar com 621,1 pontos. Apenas 1,1 ponto de distância na final da prova.

Fonte: ISSF (traduzido e adaptado)

Comente com o Facebook:

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...