20 de março de 2013

Quem não ajuda pelo menos não precisava atrapalhar


Bene Barbosa*

A prisão nessa madrugada do cantor Hudson traz à tona algumas questões bastante importantes. A primeira delas é que, como diz o velho adágio popular devidamente atualizado, “pau que bate em Chico bate até em Papa Francisco”. Não importa quem você seja, quanta fama tenha, se for pego com uma arma sem a devida licença, será preso. E por mais injusta que seja a lei – e é mesmo – não adianta chorar.


Outro ponto é como os famosos brasileiros se negam a mostrar a cara por aquilo que acreditam ou gostam! São muitos artistas, cantores, atores que gostam e possuem armas, mas praticamente todos se escondem como se isso fosse o mais profundo pecado capital. De outros países temos centenas de exemplos de celebridades que não escondem, ou nunca esconderam, e não raramente participam de campanhas em prol da posse legal de armas. Entre eles estão: Tom Selleck, Gene Hackman, Brad Pitt, Angelina Jolie, Elvis Presley, Eric Clapton… Apenas para citar alguns.

Não bastasse portar duas armas ilegalmente, o cantor Hudson, resolveu afirmar que era atirador esportivo, filiado a um clube de sua região, fato confirmado pelo próprio clube. Porém, não há confirmação que ele seja realmente registrado no Exército como atirador esportivo, como determina a lei. Sua afirmação, pelo que nos leva a crer, foi uma tentativa óbvia de se livrar do inequívoco flagrante, como se o simples fato de pertencer a um clube de tiro lhe desse o direito de portar armas. Não, não dá! E isso tem que ficar muito claro para que não se corra o risco de ver a imagem dos verdadeiros e sérios – e sofridos – atiradores manchada.

Urge que a lei sobre armas e munições seja radicalmente mudada no Brasil, pois a atual, como todos sabem, não teve qualquer efeito positivo para segurança pública e diariamente serve para colocar em enrascada cidadãos que provavelmente nunca teriam problemas com a justiça. Aos famosos, fica o pedido: já que não querem ajudar, se pelo menos não atrapalharem já está de bom tamanho! 

* Bene Barbosa, especialista em segurança pública e presidente da ONG Movimento Viva Brasil.

Comente com o Facebook:

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...