21 de março de 2013

Di Spigno aproveita novas regras e leva o ouro na Fossa Double em Acapulco

Daniele Di Spigno - Itália - Fossa Double - Copa do Mundo ISSF - Tiro ao Prato - Tiro Esportivo

Daniele Di Spigno, 38, da Itália, conquistou ontem a medalha de ouro da Fossa Double na primeira etapa da Copa do Mundo ISSF de Tiro ao Prato em Acapulco, México. O atirador italiano bateu Segio Pinero da República Dominicana por 27 a 26 em 30 alvos.


Foi uma disputa apertada. Há novas regras e a etapa de Acapulco é a primeira competição ISSF a adotá-las. Pinero foi qualificado com a maior pontuação, estabelecendo um novo recorde mundial: 136 acertos de 150 alvos. Di Spigno seguiu logo atrás, com 135. Mas, com as novas regras em vigor desde janeiro, a pontuação de qualificação não é mais transportada para as fases finais, quando atiradores começam a partir do zero.

Di Spigno e Pinero continuaram lutando durante toda a fase semi-final, terminando empatados na liderança, com 25 acertos cada, e superando o indiano Asab Mohd em um shoot-off de acesso à medalha de ouro. Os dois protagonistas estiverem pescoço a pescoço novamente até o último duplo, quando o quatro vezes campeão mundial Di Spigno prevaleceu, batendo Pinero por 27 a 26.


O campeão italiano - e 13 vezes medalhalhista de Copas do Mundo - sofreu com as mudanças de regras após os Jogos Olímpicos de 2004, quando o cronômetro foi introduzido. Aparentemente, as novas regras - sem temporizador no final - viraram o jogo a seu favor novamente.

"É muito bom voltar para um pódio da ISSF! Tem sido difícil, mas eu fiz isso", disse Di Spigno logo após a prova. A última vez que ele venceu uma etapa da Copa do Mundo foi em 2004.

A vitória de Di Spigno também empurrou a Itália para o topo do quadro de medalhas provisório desta primeira fase da Copa. A nação europeia liderar com duas de ouro, uma de prata e duas de bronze, enquanto a Rússia segue em segundo com um ouro e os EUA está em terceiro, com uma prata e um bronze.

Hoje a medalha de bronze ficou com o mais jovem finalista, o norte-americano Ian Rupert, de 19 anos, que superou Asab Mohd, da Índia, por 25 a 24 na disputa por medalha de bronze. Rupert tinha qualificado com um novo recorde mundial de 136 pratos, empatado com o dominicano, mas terminou a semi-final em quarto lugar, com 24 acertos de 30 alvos.

"Foi uma boa disputa! Esta é a minha primeira vez em um pódio da ISSF e parece simplesmente ótimo", exclamou o medalhista jovem disse.

José Torre Laboy, de Porto Rico, ficou com a quinta colocação, fechando a semi-final com 22 acertos, enquanto o italiano Antonino Barilla, com 20 acertos, ficou em sexto.

A primeira etapa da Copa do Mundo ISSF de Tiro ao Prato continua. Amanhã acontecem as finais do Skeet feminino e no sábado as finais do masculino.

Fonte: ISSF (traduzido e adaptado)

Comente com o Facebook:

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...