31 de agosto de 2012

Solicitação de CR via internet


Uma grande notícia para os CAC!

Desde o dia 28 de agosto é possível solicitar o Certificado de Registro de Pessoa Física - CRPF via internet na 4ª Região Militar. Em breve estará disponível também para a 9ª Região.

Para efetuar a solicitação ou consultar a validade de um CR acesse: www.sisfpc.eb.mil.br

Nota: Tentamos efetuar o acesso ao endereço informado acima durante a tarde de hoje (31/08), porém não tivemos sucesso.

Fonte: DFPC

Brasileiro não passa para final no tiro esportivo e chinês fica com o ouro



O representante do Brasil na prova de Carabina de Ar 10m SH-1, Carlos Garletti, não conseguiu passar da primeira fase nos Jogos Paralímpicos de Londres, nesta sexta-feira. Ele ficou na 26ª colocação com 563 pontos somados.

A categoria envolve os atidoradores que não precisam de suporte para a arma. A prova foi vencida pelo chinês Chao Dong. O sueco Jonas Jakobson ficou com a medalha de prata e o alemão Josef Neumaier com o bronze.

No total, o representante da China conseguiu acumular 699,5 pontos. A diferença foi pequena para o segundo colocado, com 696,5. O germânico conseguiu o terceiro lugar no pódio com 693,4.

Fonte: ESPN.com.br

30 de agosto de 2012

Tiro Esportivo dos Jogos Paralímpicos de Londres 2012 já tem primeiros medalhistas



Zhang Cuiping, da China, mostrou que está alguns degraus acima de suas rivais na Carabina de Ar 10m SH1 e terminou com 500,9 pontos, bem longe da alemã Manuela Schmermund em segundo e da australiana Natalie Smith que ficou com o bronze.

Zhang estabeleceu um novo recorde paralímpico na fase de qualificação com 396 pontos, sendo igualmente precisa na final com um total 104,9. Schmermund terminou com 493,6 pontos e Smith com 492,4.

Após a conquista, Zhang declarou que ficou muito contente de fazer seu país orgulhoso, dizendo: "As pessoas de nosso país estão muito felizes e o líder da nossa equipe veio para me ver como a primeira campeã dos Jogos".

Elizabeth Kosmala, a mais antiga competidora em Londres 2012 com 70 anos, ficou em oitavo na final com 488,7. Kosmala, que competiu em seus primeiros jogos em 1972, em Heidelberg, disse: "Uma vez que você entra na final, você quer ganhar uma medalha. Então, é claro que estou desapontada".

Enquanto isso, acontecia uma final tensa na Pistola de Ar maculino 10m SH1, quando o sul-coreano Park Seakyun conquistou o ouro após um shoot-off contra o turco Korhan Yamac. Os dois ficaram empatados em 664,7 pontos ao final de 10 tiros. No shoot-off, Park fez 10,8 contra 9,9 de Korhan para levar o título. O compatriota de Park, Lee Juhee, ficou com o bronze, finalizando com 662,7 pontos.

Fonte: London 2012

27 de agosto de 2012

ISSF Training Academy lança plataforma gratuita de ensino à distância

ISSF Training Academy - Foto: ISSF/Reprodução
A ISSF e a ISSF Training Academy têm o prazer de anunciar o lançamento da nova plataforma de ensino à distância. A nova plataforma está hospedada online em http://issf-academy.com e é a mais recente de uma série de iniciativas educacionais da Academia.

Na sequência do sucesso do curso "D" para técnicos regionais, o apetite por formação tem crescido entre as federações-membro da ISSF. A plataforma de e-Learning agora representa um veículo ideal para conduzir o ensino à distância, proporcionando uma plataforma para auxiliar os técnicos na conquista de suas licenças da ISSF.

24 de agosto de 2012

Trap brasileiro foi muito bem representado no Grand American 2012



Os nove atiradores que representaram o Brasil no Grand American World Trapshooting Championships, encerrado no último sábado, 18/08, na cidade americana de Sparta, Estado de Illinóis, retornaram ao Brasil com a sensação do "dever cumprido".

Mais uma vez a Delegação Brasileira chamou a atenção dos participantes do Grand American, não só pela alegria, descontração e pelo bonito uniforme, mas também pelo elevado nível dos seus atiradores. Exemplo disso foi o atirador gaúcho João Cezar Borowski, que marcou 198/200 com 100/100 no último certame de 100 pratos, finalizando a prova dos estrangeiros na segunda colocação, atrás apenas de uma atirador australiano, que marcou 199/200.

O presidente Acir Edling, iniciou as conversações para que a Liga Nacional filie-se à Amateur Trapshooting Association - ATA, possibilitando aos filiados da Liga Nacional que tenham interesse, a possibilidade de pagar um adicional nas anuidades para também filiar-se à ATA.

Nosso agradecimento aos atiradores membros da Delegação Brasileira: Acir Mores Edling (PR), José Ari Dal Pozzo (PR), Hélio Vicente Garibaldi (ES), Octacílio Padrão Jr. (RJ), João Cezar Aguiar Borowski (RS), Érico Luiz Nunes (SC), Ademir Giassi (SC), Jorge Henrique Mezzari (SC) e Eduardo Toscan (SC).

36º Prova de Silhuetas Metálicas em Oklahoma City – 2012



A prova foi realizada no período de 13 a 20 /07/2012 na cidade americana de Edmund Arcadia que faz parte da Grande Oklahoma City.

A equipe do Brasil, como sempre composta por poucos atletas, desta vez contou com a participação dois atiradores, os senhores Donald Robert Frasier e Luiz Alberto de C. Cordón ambos pertencentes à AMTA – Associação Mocoquense de Tiro ao Alvo – Mococa – SP.

A viagem dos dois atletas teve seu efetivo início no dia 10 de julho de 2012 quando o Sr. Donald e sua neta a Srta. Vivian Frasier Abreu apanharam o Sr. Luiz Cordón no aeroporto de Orlando e daí foram percorridas aproximadamente 1.500 milhas (ida) até chegar ao Estande de Tiros (OKC Gun Club’s), é interessante ressaltar a paisagem pelas quais passamos, ou seja, ora matas, ora plantação de grãos e por vezes pastagens, sempre víamos uma grande quantidade de pequenos e grande animais como esquilos, tartarugas, tatus, racun, veados e outros numa demonstração de cuidado com a fauna local (apesar de ter caça liberada em determinadas épocas do ano).

O Clube de Oklahoma possui uma área aproximada de 500 acres e composto de várias pistas para pratica não só da Silhuetas Metálicas mas para outros tipos de tiros, como por exemplo tiros até a distancia de 500 jardas, Tiro ao Prato, IPSC, Arco e Flecha e ainda contando com uma área especial para iniciação da prática de tiro para jovem das diversas instituições com por exemplo escoteiros mirins, 4H, equipes de diversas escolas, sempre com foco na prática saudável do esporte do tiro.

Cabe aqui ressaltar que a pista de Silhuetas Metálicas possui vários níveis o que deixa a prova mais técnica e emocionante, dando uma sensação real de caçada.

Na ocasião foi uma oportunidade para rever os amigos e confraternizar antes de iniciar propriamente as provas, a quais iniciaram no dia 13/07/2012 às 8:00 hs (horário local) logo após serem executados os hinos nacionais dos países lá representados (tudo com grande emoção), cabe lembrar que os hinos eram executados todos os dias antes do inicio das provas.

Lá estavam além do anfitrião Estados Unidos da América com suas diversas equipes regionais, Austrália, Canada, Brasil, Paraguai e Havaí.

As provas foram realizadas em suas modalidades tradicionais em Big Bore, Small Bore, Field Pistol e Air, sempre com 80 tiros como é a prática do Internacional de Silhuetas Metálicas.

Participaram das provas 98 atletas com um total de 993 inscrições nas diversas modalidades, o que resulta em uma média de 84.405 tiros, que por atleta resulta em 908 tiros, lembrando que aqui não estão considerados os Shoot-Off.

Cabe ressaltar que o Brasil apesar da diminuta equipe logrou o 3º Lugar, na frente do Canada, Paraguai e Havaí.

Quando do retorno a Florida houve a possibilidade de visitarmos a cidade de Vicksburg, Mississippi, palco de uma das mais famosas batalhas da guerra civil americana onde duelar os estados do Norte (industrializados) contra os do Sul (agrícolas), infelizmente houve grande perda humana de ambos os lados (aproximadamente 18.000 homens). O local da batalha hoje é um Parque Nacional que preserva a história e diga-se de passagem muito bem conservado.

No dia 22 de julho chegamos a Florida para comemorar o aniversário do Sr. Donald Robert Frasier – 2º Vice Presidente da CBTP – Representante de Silhuetas Metalicas para o Brasil.

Fonte: CBTP

23 de agosto de 2012

Atirador brasileiro é segundo colocado entre os estrangeiros no Grand American



O atirador brasileiro João Cezar Aguiar Borowski (RS), conquistou na tarde desta quarta-feira, 15/08/2012, um belíssimo resultado para o Tiro ao Prato Brasileiro na 113ª edição do Grand American World Trapshooting Championships, que está acontecendo em Sparta, nos Estados Unidos.

Borowski e mais cinco atiradores brasileiros participaram do evento #18, denominado Beretta Singles Championships, que reserva uma premiação especial para atiradores estrangeiros, ou seja, que não tenham passaporte americano ou canadense. O evento reuniu 2.120 atiradores, dentre eles mais de 100 atiradores considerados estrangeiros.

O atirador brasileiro marcou 98/100 hoje pela manhã e 100/100 a tarde, fechando com 198/200, o que lhe credenciou entre os melhores, ficando com a segunda colocação. A prova entre os atiradores estrangeiros foi vencida por um atirador australiano que marcou 199/200.

Os demais brasileiros que participaram da prova foram:

- Jorge Mezzari (SC) - 22 / 23 / 24 / 24 / 23 / 24 / 25 / 23 = 188 / 200
- Acir Mores Edling (PR) - 23 / 24 / 22 / 22 / 21 / 23 / 21 / 22 = 178 / 200
- Hélio Garibaldi (ES) - 23 / 23 / 23 / 21 / 21 / 23 / 20 / 23 = 177 / 200
- Eduardo Toscan (SC) - 22 / 22 / 23 / 17 / 20 / 21 / 21 / 24 = 170 / 200
- José Ari Dal Pozzo (PR) - 15 / 12 / 12 / 16 / 17 / 21 / 18 / 13 = 124 / 200

Importante destacar que, há excessão do atirador João Aguiar Borowski, os demais brasileiros competiram com armas alugadas em Sparta.

Na foto Borowski aparece ao lado do Presidente da Liga Nacional, Acir Edling.

22 de agosto de 2012

IV Etapa do Campeonato Brasileiro de IPSC 2012



Prezados Atletas do Tiro Prático, a Federação de Tiro Prático do Distrito Federal terá a honra de sediar, no período de 07 a 09 de setembro do corrente ano, a IV Etapa do Campeonato Brasileiro de IPSC/2012. 

Local: 
Estande do Exército Darcy Lázaro,
situado no Setor Militar Urbano
Coordenadas GPS: (15°45'25.30"S/47°58'3.47"O). 

18 pistas e 320 tiros, mais cronógrafo, distribuídas conforme cronograma abaixo:

Dia 04 (terça feira):
19:00 – chegado dos ROs e Staff em hotel a ser informado

20:00 – Congresso de Arbitragem em local a ser definido
Dia 05 (quarta feira):
08:00 as 17:00 – Pré-Math
Dia 06 (quinta feira):
08:00 as 17:00 – Pré-Math
Dia 07 (sexta feira):
09:00 as 10:00 – Check de Equipamentos

10:00  – Cerimônia de Abertura

11:00 as 17:00 – Math (05 pistas)
Dia 08 (sábado):
08:00 as 17:00 – Math (10 pistas)
Dia 09 (domingo):
08:00 as 12:00 – Math (03 pistas)

13:00 – Cerimônia de Encerramento/Premiação


Pagamento até dia 25 de agosto – R$ 240,00 (duzentos e quarenta reais)
De 26 a 31 de agosto (prazo final de inscrição) – R$ 280,00 (duzentos e oitenta reais).

Damas e Juniores – ISENTOS

OBS: Simultaneamente será realizada a III Etapa da 2ª Copa das Federações Centro-Norte para os atletas da região (DF, AM, GO, MT, RR e TO). Premiação em separado.

VALOR DE INSCRIÇÃO: Até 25 de agosto – R$ 70,00 (setenta reais).
De 26 a 31 de agosto (prazo final de inscrição) – R$ 80,00 (oitenta reais). 

Depósitos poderão ser realizados em favor da;
Federação de Tiro Prático do Distrito Federal – FTPDF
CNPJ: 26.445.049/0001-41, conforme a seguir:
Banco: SANTANDER:
Agência: 3441
C/C: 130001333 

Comprovantes de pagamento poderão ser enviados para: brasileiro2012df@terra.com.br

Informações: (61) 9229.0228 Luciana ou no site da CBTP.

Mais de 3,7 mil cidadãos pedem revogação do Estatuto do Desarmamento



Uma das propostas mais polêmicas em tramitação na Câmara, o Projeto de Lei 3722/12, do deputado Rogério Peninha Mendonça (PMDB-SC), que revoga o Estatuto do Desarmamento (Lei 10.826/03) e cria novas regras para a aquisição e a circulação de armas no País, é também uma das mais comentadas pelos cidadãos que contatam o serviço Disque-Câmara (0800 619 619). O projeto é tema de nova enquete da Agência Câmara de Notícias.

A maioria das pessoas que ligam apoia a proposta. Das 3.784 manifestações recebidas até 10 de agosto pelo Disque-Câmara sobre o projeto, 3.754 foram favoráveis e apenas 30 contrárias à matéria, apresentada em abril. Neste ano, o assunto já é o segundo mais comentado pelos cidadãos.

Conforme o PL 3722/12, a regra passará ser a permissão da posse e do porte de armas. Pela proposta, para comprar uma arma de fogo o interessado deverá ter no mínimo 21 anos e precisará apresentar documento de identidade, CPF e comprovantes de residência e de ocupação lícita.

O cidadão que quiser comprar uma arma não poderá possuir antecedentes criminais ou estar sendo investigado pela polícia por crime doloso contra a vida ou mediante qualquer forma de violência. Deverá ainda ter feito curso básico de manuseio de arma e iniciação ao tiro. Além disso, deverá estar em pleno gozo das faculdades mentais, comprovado por atestado expedido por profissional habilitado.

Regra atual
O Estatuto do Desarmamento, em vigor desde 2003, proíbe o porte de arma aos civis, exceto nos casos em que o cidadão tiver a vida comprovadamente ameaçada. Podem portar armas, por outro lado, os agentes de segurança pública, os integrantes das Forças Armadas, os policiais, os agentes de inteligência e os de segurança privada.

Na avaliação de Rogério Peninha Mendonça, a medida não foi capaz de reduzir a criminalidade no Brasil, ainda que o Ministério da Justiça informe que após a primeira campanha de desarmamento, em 2004, o número de mortes por armas de fogo tenha caído 11%.

Sua proposta, diz, reflete o desejo da população, que em 2005, ao ser consultada em um referendo, rejeitou a ideia de proibir o comércio de armas e munições no Brasil. Naquele ano, 60 milhões de eleitores, ou mais de 60% dos votantes, manifestaram-se contra a proibição.

O resultado manteve a possibilidade de compra de armas por civis, cumpridos requisitos como idade mínima de 25 anos e comprovação de bons antecedentes. Toda arma, porém, deve ser registrada e a posse nas ruas depende de autorização prévia da Polícia Federal.

Debate
Na época do referendo, duas frentes parlamentares  foram formadas com a participação de organizações civis para defender a proibição ou a manutenção do comércio de armas por meio da propaganda eleitoral gratuita no rádio e na TV.

A Agência Câmara também promoveu o debate do assunto. Em uma enquete realizada em outubro de 2005, 86% dos que votaram disseram não à proibição do comércio de armas. Em maio do mesmo ano, os participantes de um bate-papo organizado pela Agência criticaram o desarmamento. Os debatedores disseram que, sem armas, a população ficaria desprotegida e os bandidos teriam mais facilidade para atuar.

Jovem promessa amazonense conquista o 1º lugar no Centro-Norte de Tiro Prático



Com apenas 14 anos, o amazonense Márcio Gabriel Araújo coleciona prêmios. A medalha mais recente veio no último fim de semana, na etapa de Palmas (TO) do Campeonato Centro-Norte de Tiro Prático, onde ficou em primeiro lugar geral na categoria Open, a mais rápida e precisa da modalidade.

Agora, ele se prepara para Campeonato Centro-Norte, em Brasília (DF). "Eu já venci, em 2010 e 2011, e estou no caminho para mais um título", disse animado.

Apesar do favoritismo e da expectativa de trazer o tri regional, em setembro, o rapaz mantém o foco, pois também terá os campeonatos Brasileiro e Pan-Americano da modalidade pela frente, no mês seguinte.

O segundo será em Assunção, no Paraguai, e em novembro ele compete nas etapas do Circuito Nacional. "Mas isso não me impede de continuar treinando para os próximos campeonatos, porque sempre vai ficar mais difícil", enfatizou.

Aluno dedicado, Gabriel diminui a rotina de treinos quando há poucas competições. Agora, com tantos compromissos, ele passará todos os fins de semana no estande de tiro — quilômetro 21 da BR-174 (Manaus-Boa Vista).

"Vou voltar com tudo", afirmou, ao revelar que também faz musculação. "Estou tentando melhorar ao máximo. Vou fazer academia direto, treino pesado para melhorar velocidade e habilidade", completou.

Desde que ingressou no esporte, há 4 anos, o adolescente se destaca em todos os eventos e, inclusive, já foi vice-campeão latino-americano. Ele faz parte do Livro dos Recordes Brasileiros como o mais jovem do país na modalidade e costuma desafiar adversários veteranos.

Para competir com a STI Trubor 5.5 Calibre 38, o garoto usa o certificado do pai, o instrutor, atirador e fundador da Associação e Clube de Tiro da Amazônia (Actao), Márcio Araújo.

Policiais Civis se destacam em competição de tiro



A Secretaria da Segurança Pública-SSP parabeniza os Delegados Dr. Cassiano R. Oyama, Dr. Rafael F. Falcão e o Perito Criminal Leonardo Ribas pelo excelente desempenho que os mesmos obtiveram durante as competições de tiro esportivo na II etapa da II Copa das Federações Centro Norte de IPSC. A competição foi realizada nos dias 18 e 19 de Agosto de 2012, no Clube de tiro Esportivo e Caça de Palmas e contou com a participação de mais de cinquenta atiradores de diferentes Estados da Federação.

A Polícia Civil, após convite do Comandante do 22º Batalhão de Infantaria do Exército, Coronel Martin, inscreveu sua equipe com quatro atiradores, para disputar a categoria Production Policial (pistolas originais com o primeiro disparo em ação dupla), sendo eles os Delegados Cassiano Oyama e Rafael Falcão além do Perito Leonardo Ribas e o Agente de Polícia Ariston Ribeiro de Araújo.

A categoria Production contou, além dos policias civis, com a participação de policiais militares, policiais militares e Militares do Exército. Ao final do evento, cinco policiais civis ficaram classificados entre os cinco primeiros colocados, com destaque para o delegado Cassiano Oyama que atingiu o segundo lugar. O delegado Rafael Falcão obteve a quarta colocação e o Perito Leonardo Ribas terminou a competição na quinta posição.

O Delegado Chefe da PC Dr. José de Eliú de Andrada Jurubeba e o Superintendente de Polícia Civil Dr. José Rerisson Macedo, parabenizam de forma especial os cinco representantes da PC do Tocantins, pelos ótimos resultados obtidos no campeonato bem como enaltecem os esforços desses valorosos policias civis, que dia a dia buscam meios de melhor se aperfeiçoar para desenvolver um trabalho policial mais eficiente e dinâmico em prol da sociedade tocantinense.

Segundo o Delegado Dr. Rogér Knewitz, Diretor do Gote, a participação dos policiais civis no campeonato e consequentemente a boa classificação que obtiveram é motivo de muito orgulho para toda a Polícia Civil do Tocantins. “Gostaria de enaltecer esses atiradores que com esforços e recursos pessoais treinam para oferecer um serviço de excelência à sociedade, bem como agradecer o apoio da Chefia e da Superintendência da Polícia Civil, bem como da Diretora da Academia de Polícia Judiciária, que neste evento patrocinou parte do material utilizado pelos competidores”, finalizou o Delegado. 

Fonte: Surgiu

21 de agosto de 2012

Torneio Amazônia 2012



A Federação Maranhense de Tiro Esportivo - FMTE e o Clube de Caça, Pesca e Tiro de Imperatriz - CCPETI, convidam os atiradores do Maranhão, de estados vizinhos e de todo o Brasil para o Torneio Amazônia 2012, a se realizar na cidade de Imperatriz - MA, nas dependências do CCPETI, entre os dias 7 e 9 de setembro próximo.

A 7ª Etapa do Brasileiro de Car/Pst/RF e a 8ª Etapa do Brasileiro de Trap serão realizadas conjuntamente e, além delas, outras competições válidas pelo calendário do Campeonato Maranhense de 2012 também serão realizadas.

Mais informações pelo site da FMTE.

Árbitro maranhense Clauber Muniz é o mais novo árbitro internacional da ISSF



O árbitro da FMTE e da CBTE, Clauber Muniz, participou do curso de árbitro internacional ocorrido na sede da Confederação, no Rio de Janeiro, no período de 30/07 a  02/08/2012.  Com o ponto de corte com a nota 8 (oito), o curso exigiu, além de outras habilidades, conhecimento da língua inglesa. Segundo Clauber, a sua experiência no corpo de arbitragem da FMTE foi fundamental para orientá-lo neste curso.

O curso foi ministrado por Thom Erik Syrdahl e Arnaldo Mendonça, ambos árbitros "ISSF A", ambos com experiência suficiente para ministrarem um curso desta importância. De um total de 11 alunos, apenas 6 foram aprovados.

Fonte: FMTE

Oito atletas de Carabina e Pistola conquistam vagas para o Sulamericano



Garantiram suas vagas para participar do Sulamericano em Buenos Aires na Argentina, no período de 29 de outubro a 4 de novembro, os atletas Harrison Santos, Ibsan Deise, Niquelson Falarz, , Aline Guerellus, Gabriel Grumberg, Cibele Breide, Julio Almeida e Iosef Forma, depois de conquistarem os primeiros lugares nas provas que disputaram neste fim de semana, na cidade de Resende - RJ, durante a realização do XXXVII Campeonato Regional Centro-Brasileiro de Tiro Esportivo.

Harrison ficou em primeiro lugar nas provas de Carabina de Ar Masculino com 577 pontos (MQS de 570 pontos) e na prova de Carabina Deitado com 590 pontos (MQS de 586 pontos). Ainda na prova de Carabina de Ar, Niquelson Falarz sagrou-se campeão na Classe B, obtendo 577 pontos.

Ibsan Deise venceu a prova de Carabina de Ar Feminino, com 382 pontos. O MQS para a prova é de 375 pontos.

Aline Guerellus alcançou a 1ª colocação na prova de Pistola 25m Feminino com a marca de 559 pontos para o MQS de 555. Também sagrou-se campeã da Pistola de Ar Feminino, na Classe B, com 366 pontos, sendo o MQS 365.

Gabriel Grumberg conquistou sua viagem na prova de Pistola 50m Masculino Sênior ao atingir 544 pontos (MQS 540), ficando em 1º lugar.

Na Pistola de Ar Feminino, Classe A, Cibele Breide conquistou sua vaga ao sagrar-se campeã com 373 pontos, bem acima do MQS para a prova, de 365 pontos.

Júlio Almeida conquistou o primeiro lugar na Pistola de Ar Sênior Classe A, com 567 pontos. O MQS para a prova é de 563 pontos.

Iosef Forma venceu a prova de Tiro Rápido Sênior, com 580 pontos, marca expressiva, uma vez que o MQS é 560.

De acordo com o regulamento os oito atletas serão convocados para participar do evento com as despesas pagas pela CBTE, cabendo ainda ressaltar, que a formação da equipe principal do Brasil seguirá critérios a serem estabelecidos oportunamente.

As últimas vagas são esperadas no 39º Campeonato Sul-Brasileiro (SULBRA), a ser realizado nos dias 19 a 21 de outubro, em Curitiba - PR.

Fonte: CBTE

Projeto de lei prevê a proibição de menores de 18 anos em clube de tiros (Vídeo - SporTV News)


Roberto Schmits participará da final da Copa do Mundo 2012 de Tiro ao Prato



A final da Copa do Mundo de Tiro ao Prato 2012, que acontecerá em Maribor, Slovênia, entre os dias 20 e 26 de setembro, terá, pela primeira vez em sua história, a presença de um brasileiro, o atleta Roberto Schmits, da Fossa Olímpica. Para estar entre os competidores que disputarão esta prova final, e que encerrará o calendário internacional do Tiro ao Prato, são levados em conta os resultados conquistados nas 3 etapas que formaram a Copa do Mundo deste ano. Roberto, que também foi medalhista de bronze nos Jogos Panamericanos de Guadalajara, assegurou o direito de participar desta finalísssima, ao ter, como sua melhor colocação, o quinto lugar obtido logo na primeira etapa, ocorrida na cidade americana de Tucson, no Arizona. Nesta disputa o brasileiro foi para a final em quarto lugar.

A prova contará com apenas 14 atletas, o campeão da edição de 2011 e recordista mundial, Michael Diamond, da Austrália, que defenderá o seu título, os três primeiros colocados dos Jogos Olímpicos de Londres 2012; o croata, Giovanni Cernogoraz, medalhista de ouro, o italiano, Massimo Fabrizzi, que ficou com a prata, o kuwaitiano, Fehaid Aldeehani, medalha de bronze, e os 8 primeiros colocados, pelo ranking da Federação Internacional de Tiro; Ryan Hadenn, EUA, Oguzhan Tuzun, Turquia, Erminio Frasca, Itália, Alexey Alipov, Russia, Stephane Clamens, França, Rodolfo Vigano, Itália, Roberto Schmits, Brasil e o espanhol Jesus Serrano. Fecham a lista dos 14 competidores, dois atletas sérvios, Bostjan Macek e Matej Znidercic, ambos convidados pela organização do evento.

Fonte: CBTE

Em 'simulado' para 2016, promessas ganham confiança em Londres



Lais tirou foto até da placa do metrô. Andressa não deixou uma mascote passar sem posar para as câmeras. Bernardo assistiu à palestra de Rubén Magnano sem piscar. Os três "turistas" fazem parte do grupo de 16 felizardos e talentosos atletas que foram a Londres fazer uma espécie de simulado para os Jogos Olímpicos. A "prova" está marcada para logo mais, no Rio de Janeiro. Agora é estudar para tentar gabaritar nas próximas Olimpíadas, em 2016.

Esses não eram os Jogos Olímpicos em que os 16 jovens atletas brasileiros imaginavam estrear. Mas a chance de ir a Londres sentir o gostinho do paraíso do esporte foi agarrada com muita vontade pelas promessas de 13 a 26 anos de diversas modalidades. Com o projeto "Vivência Olímpica", o Comitê Olímpico Brasileiro (COB) antecipou a experiência da competição para algumas possíveis estrelas de 2016.

Aquelas histórias de que "sentiu a estreia" e "ficou deslumbrado" prometem não colar em 2016 com Alessandra Marchioro (natação), Felipe Wu (tiro), Flávia Gomes (judô), Hugo Calderano (tênis de mesa), Isaquias Queiros (canoagem), Andressa Mendes (saltos ornamentais), Martine Grael (vela), Rebeca Andrade (ginástica artística), Thiago Monteiro (tênis), Vitor Gonçalves (vôlei de praia), Thiago Braz (atletismo), Bruno Matheus (triatlo), Jéssica Reis (atletismo), Arthur Mendes Júnior (natação), Lais Nunes (lutas) e Bernardo Souza (tiro com arco). Em Londres, enquanto os ídolos nacionais de suas modalidades davam o sangue pelo pódio, os destaques da nova geração se preocupavam em quebrar o gelo para daqui a quatro anos.

O grupo tratou de fazer o que estava ao seu alcance. Aproveitou cada minuto, cada clique, da incrível experiência de viver os Jogos Olímpicos durante quatro dias. A programação foi intensa e incluiu visitas à Vila Olímpica, idas aos locais de competição, palestras com treinadores consagrados e ainda aproveitar os passeios turísticos pela cidade.

É difícil de descrever essa experiência. É muito diferente ver pela TV e estar aqui. Estou muito impressionado, muito surpreso. O fato de a cidade inteira estar mobilizada para isso foi o que mais me chamou a atenção. Você sente que a cidade respira os Jogos e que o mundo está concentrado no que acontece aqui - comentou o atleta de tiro com arco Bernardo Oliveira. O brasiliense, de 18 anos, foi medalhista de prata no Pré-Olímpico, em Medellín, este ano.

Cada detalhe já tratado com normalidade pelos grandes nomes do esporte não passou despercebido pelos olhares curiosos dos novatos. A visita à Vila, por exemplo, foi inspiradora. Viram ali, na fila do bandejão do refeitório, alguns dos ídolos que fizeram com que eles se dedicassem ao esporte. Almoçando ao lado de seus heróis, tiveram a certeza de que querem voltar a sentar naquela mesma mesa. Só que no Rio.

- Posso dizer que realmente tive uma vivência olímpíca. Você fica imaginando como vai ser daqui a quatro anos. Foi importante para a gente já sentir o clima dos Jogos Olímpicos - disse a atleta de 15 anos dos saltos ornamentais Andressa Mendes, uma das mais novas dos Jogos Pan-Americanos de Guadalajara, no ano passado.

O resultado da experiência já foi imediato para alguns. Respirar o mundo olímpico e ainda receber conselhos dos técnicos de vôlei José Roberto Guimarães e Bernardinho, e de basquete Rubén Magnano serviram como injeção de ânimo em busca do pódio em 2016.

- Todos eles estavam muito conscientes do que vieram fazer aqui. Eles observaram e absorveram tudo o que podiam. Agora, saem daqui muito mais motivados. O Arthur (Mendes), por exemplo, saiu da palestra com Bernardinho preocupado em voltar logo para o Crystal Palace para poder treinar. Isso demonstra a motivação que eles ganharam aqui - avaliou a ex-ginasta Soraya Carvalho, hoje funcionária do COB e responsável pelo projeto Vivência Olímpica.

Os 16 atletas representam uma geração promissora para 2016 e 2020. Desse grupo, três já são ou foram os melhores do mundo nas categorias de base. A judoca Flávia Gomes foi campeã mundial Sub-17, na Hungria, em 2009. Isaquias Queiros foi ouro no Mundial juvenil da canoagem, em 2011, na Alemanha. A velejadora Martine Grael venceu na classe 420 o Campeonato Mundial da Juventude, em 2009, no Brasil. Todos os outros integrantes também já subiram ao pódio de importantes competições internacionais.

Atletas do tiro esportivo embarcam nesta terça-feira para os Jogos Paraolímpicos Londres 2012



A cidade de Manchester, na Inglaterra, foi escolhida para a aclimatação da delegação paralímpica brasileira. Encerrado o período preparatório, a equipe nacional embarcou nesta segunda-feira, a nove dias do início das competições, para a Vila Olímpica de Londres.

Representantes do atletismo, basquete em cadeira de rodas, bocha, ciclismo, esgrima em cadeira de rodas, futebol de 5, futebol de 7, goalball, halterofilismo, judô, natação, remo, tênis em cadeira de rodas, tênis de mesa e vôlei sentado participaram das atividades em Manchester.

Já o hipismo fez parte da aclimatação na França e encerrou a preparação em Bishop Burton, na Inglaterra, com direito a competição envolvendo alguns dos países que disputarão a Paralimpíada de 2012. Atletas da vela adaptada e do tiro esportivo embarcam nesta terça-feira para Londres.

Essa é a primeira vez que o Brasil proporciona aclimatação para a delegação do País antes da disputa dos Jogos Paralímpicos. Desde o dia 14, mais de 200 esportistas e técnicos brasileiros estão em Manchester.Os Jogos Paralímpicos de Londres acontecem entre os dias 29 de agosto e 9 de setembro.

Fonte: Terra

20 de agosto de 2012

Você conhece a Liga Nacional de Tiro ao Prato?


A Liga Nacional de Tiro ao Prato começou a ser organizada no mês de Maio/2011 e surgiu através da iniciativa de sete clubes de Tiro ao Prato brasileiros, os quais fazem parte do Conselho de Administração, a saber: Clube de Caça e Tiro de Guarapuava , da cidade de Guarapuava/PR; Transal Associação Esportiva, da cidade de Pedras Grandes/SC; Clube Americanense de Caça e Tiro Esportivo, da cidade de Americana/SP; JL Clube Olímpico de Trap & Skeet & Sporting Clays, da cidade de Eusébio/CE; Clube de Tiro, Caça e Pesca de Araguaína, da cidade de Araguaína/TO; Clube Alagoano de Tiro Olímpico, da cidade de Maceió/AL e, Clube Campista de Tiro Esportivo, da cidade de Campos dos Goytacazes/RJ.

O conceito de Ligas Nacionais vem sendo fortemente adotado em diversos países do mundo, reunindo clubes e desportistas praticantes de diversos esportes e modalidades, em torno de um objetivo comum: promover, organizar e ofertar competições para clubes esportivos e atletas amadores e profissionais.

Especificamente no Tiro ao Prato brasileiro, a Liga oferta uma competição nacional que democratiza o acesso de atiradores esportivos de todos os estados da federação às provas de Tiro ao Prato, ofertadas simultaneamente em diversas cidades e estados brasileiros, consolidando os resultados em um sistema de "provas on-line". Os resultados são anotados e consolidados pela internet, com acesso restrito aos Delegados Locais, os quais são responsáveis por anotar os resultados de cada súmula no sistema, tão logo terminem as séries de tiro de cada turma. Este sistema foi originalmente desenvolvido na Itália e vem sendo aplicado no Brasil desde o ano de 2008. É ideal para fomentar o esporte em países cuja extensão territorial é muito ampla, possibilitando assim a redução de gastos com deslocamentos e estadias. Naturalmente que estão contempladas no calendário da Liga Nacional algumas provas presenciais obrigatórias, para que os competidores possam conhecer uns aos outros e travar o confronto direto.

Um dos principais objetivos da Liga Nacional é fomentar o surgimento e desenvolvimento de novos talentos olímpicos no Tiro ao Prato Brasileiro, uma vez que foi o Tiro Esportivo que trouxe a primeira medalha olímpica para o Brasil, com Guilherme Paraense, na Antuérpia em 1920. A Liga Nacional trabalhará sempre em parceria com as federações estaduais de Tiro Esportivo e apoiará todas as iniciativas que visem melhorias nas condições técnicas e estruturais do esporte do Tiro ao Prato.

A sede da Liga Nacional de Tiro ao Prato atualmente encontra-se na cidade de Guarapuava, estado do Paraná, com base estendida em 15 estados brasileiros através de Delegados Estaduais e Delegados Locais nos clubes filiados. Possui atiradores filiados a mais de 75 clubes de tiro ao prato nestes estados.

Em entrevista ao SporTV News, dirigente da CBTE critica projeto que impede menores no tiro esportivo

Um projeto de lei em trâmite na Câmara dos Deputados tem causado polêmica entre os praticantes do tiro esportivo. De autoria do deputado Dr. Rosinha (PT/PR), a proposta pretende proibir a prática do esporte por crianças e adolescentes e até impedir o acesso destes aos clubes de tiro. Permitir a presença, inclusive, passaria a ser tipificado como crime.

Presidente da Confederação Brasileira de Tiro Esportivo (CBTE), Paulo Lima e Silva afirma que a lei representará um golpe nas categorias de base da modalidade. Segundo ele, a formação de atletas, que se inicia principalmente em escolas militares, na faixa de 16 anos, seria extinta.

- Nós já não temos renovação naturalmente. Se proibir a permanência ou a prática de menores de 18 anos, o tiro vai sofrer um baque muito grande. Acabar com o esporte não acaba, mas vai ficar capenga - afirmou o dirigente, em entrevista ao "SporTV News".

Na visão dos defensores da proposta, o tiro esportivo pode estimular um comportamento agressivo em jovens atletas pelo uso das armas. Já praticantes afirmam que o esporte ajuda a aumentar a concentração.

Cinco vezes campeão sul-americano e líder do ranking nacional, Felipe Wu treina desde os oito anos de idade. Provável aposta para as Olimpíadas do Rio-2016, o atleta destaca os benefícios do tiro.

- No nosso esporte, não precisa tanto no físico, mas sim um amadurecimento psicológico. Tem que começar cedo, se não nunca vai chegar competitivo em uma idade boa - disse.

Curiosamente, o primeiro medalhista de ouro do Brasil saiu do tiro esportivo. Em 1920, nos Jogos da Antuérpia, Guilherme Paraense sagrou-se campeão, enquanto Afrânio Antônio Costa levou a prata. Os brasileiros ainda conquistaram o bronze por equipes.

- A proibição de frequentar o ambiente é um desestímulo para quem quer começar, para quem está competindo. É um desencontro neste quadriênio até 2016 - afirmou Ricardo Brenk, diretor de carabina e pistola da CBTE, citando o ciclo olímpico até os Jogos Olímpicos do Rio.

O projeto de lei já foi aprovado pela Comissão de Turismo e Desporto da Câmara, mas ainda precisa passar pelas Comissões de Seguridade Social e Constituição e Justiça para ir a votação no plenário.

Fonte: SporTV News

15 de agosto de 2012

Revista Magnum: CZ Duty 380 e Blaser R 93



Acima, capa e contracapa da edição número 115 (Jun/Jul 2012) da Revista Magnum.

Como matérias de destaque, cito a entrevista com o CEO da GAMO (líder mundial em armas de pressão), Victor Tresserras, e o artigo Velocidade x Comprimento do Cano, de autoria do Eng. Creso M. Zanotta.

Vale muito a pena conferir também o teste da pistola CZ Duty 380 - cuja matéria nos dá ainda a execelente notícia de que a CZ está se preparando seriamente para instalar uma fábrica no Brasil, bem como o artigo do Diretor Jurídico do Movimento Viva Brasil, Daniel Fazzolari, a respeito do Projeto de Lei de autoria do Deputado Rogério Peninha Mendonça, que visa a revogação do Estatuto do Desarmamento.

Recomendo.

13 de agosto de 2012

V Torneio de Tiro Esportivo do Cerrado Maranhense


A Federação Maranhense de Tiro Esportivo e o Clube Balsense de Tiro Desportivo tem o prazer de convidar seus associados e atiradores dos demais estados para participarem do V Torneio de Tiro Esportivo do Cerrado Maranhense, VII Etapa do Campeonato Brasileiro de Trap 2012 e VIII Torneio de Equipes de Tiro ao Prato da FMTE.

As competições serão realizadas nos dias 17, 18 e 19 de agosto de 2012, nas dependências do Clube Balsense de Tiro Desportivo (BR 230, Km 10), na cidade de Balsas, Maranhão.

Dentre as provas a serem disputadas estão: Carabina Mira Aberta 25m, Carabina Mira Aberta 50m, Silhuetas Metálicas, Bench Rest e Trap.

Maiores informações no site da FMTE ou com o Sr. Valmor Crepaldi (CBTD): 99 - 9951 4977.

Londres 2012: Provas do Tiro Esportivo foram memoráveis



Kimberly Rhode, 33 anos, tornou-se a primeira atleta dos EUA a ganhar medalhas individuais em cinco diferentes edições dos Jogos Olímpicos quando triunfou no Skeet. Pavimentou assim seu caminho para a história olímpica dos EUA. Ela foi um dos três medalhistas de ouro dos EUA, assim como Vincent Hancock, que limpou o Skeet masculino com sua vitória, enquanto Jamie Lynn Gray venceu na Carabina 3 Posições.

A outra medalha dos EUA veio na forma de um bronze para Matt Emmons. Emmons, que ficou famoso por chegar a tocar por duas vezes a medalha de ouro até seu último tiro nas duas últimas Olimpíadas, estava garantindo a medalha de prata a um tiro para o fim da prova. Tendo se contorcido em Pequim para disparar pobres 4,4 pontos, além de ter atirado no alvo errado quando liderava a prova em Atenas 2004, Emmons poderia ser perdoado por ser um pouco nervoso. E, infelizmente, mais uma vez a pressão pareceu superar seus 31 anos de idade, quando fez 7,6 pontos de 10,9 possíveis, no disparo final. 

Pelo menos desta vez ele ficou com o bronze, sendo Jonghyun Kim o grato beneficiário arrebatando a prata, uma das cinco medalhas para o país mais bem sucedido na competição, a Coréia do Sul. Jin Jongoh liderou o caminho com duplo ouro na Pistola 10m e 50m, enquanto Kim Jangmi venceu a prova de 25m das mulheres.

A Itália ficou atrás dos EUA no quadro de medalhas graças em grande parte à Niccolo Campriani, que conquistou a prata na Carabina de Ar 10m e o ouro na Carabina 3 Posições, enquanto a policial Jessica Rossi quebrou o recorde mundial com 99 pratos de 100 possíveis ficou com a vitória na Fossa Olímpica. Em seguida veio a China, cujos sucessos incluíram Yi Siling, que teve a honra de conquistar a primeira medalha de ouro de Londres 2012, quando triunfou na Carabina de Ar 10m. E a torcida local também teve o que festejar, ao ver Peter Wilson conquistando o ouro para a Grã-Bretanha na Fossa Double.

Veja abaixo como ficou o quadro de medalhas do Tiro Esportivo nos Jogos Olímpicos de Londres 2012 até a quinta posição:

1
Republic of KoreaRepublic of Korea
3205
2
United States of AmericaUnited States of America
3014
3
ItalyItaly
2305
4
People's Republic of ChinaPeople's Republic of China
2237
5
BelarusBelarus
1001
5
CroatiaCroatia
1001
5
CubaCuba
1001
5
Great BritainGreat Britain
1001
5
RomaniaRomania
1001







E aqui você pode acessar ainda o quadro de medalhas geral e o quadro de medalhas por prova.

Confira também neste link as melhores fotos das provas de tiro dos Jogos de Londres 2012.

Fonte: London 2012
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...